Entrar

Quando o namorado de Renata adoece de forma misteriosa, ninguém sabe o que fazer. Foram diversas tentativas falhas de diagnóstico na busca de entender de onde vinham os sintomas. Entre idas a hospitais, inúmeras pesquisas e buscas no Google, Renata não desistiu até desvendar o mistério da doença que afetava cada vez mais a vida de seu amado.

Ele é raro é uma autobiografia escrita à quatro mãos, que percorre as várias fases da história do Renato, um jovem cheio de vida, que adoece gravemente de um dia para o outro. Da descoberta da doença, fazemos o caminho reverso, acompanhando os primeiros passos da agitadíssima trajetória dele até o momento em que a Síndrome de Cushing entra em cena.

Apesar do pano de fundo da obra ser a progressão da doença, o relato vai além desse tema. A narrativa é sobre família, casamento e relações inter e intrapessoais. Os autores expõem, de forma sensível e bem-humorada suas emoções e vivências dentro de um cotidiano complexo, mas que é capaz de se aproximar do leitor exatamente nesse ponto. Este é um relato sobre sentimentos comuns a todos nós mortais e, acima de tudo, sobre esperança.



Autores: Renata de Oliveira e Renato Lombardi

5

Recomenda as competências de Ricardo Xavier

Entra na tua conta ou cria uma conta para comentar.